Brasil

DESEMPREGO CAI PELO QUARTO MÊS SEGUIDO, GRANDE DIA!

O índice de desemprego no Brasil caiu pelo quarto mês consecutivo em julho, diz o IBGE.

Segundo dados divulgados hoje pelo instituto, há 12,6 milhões de desempregados no país — 11,8% da população.

Em relação ao mesmo período do ano passado, também houve um recuo (a taxa era de 12,3%).

Foram criadas mais de 43 mil novas vagas de trabalho com carteira assinada em julho.

Em conversa com jornalistas na portaria do Palácio da Alvorada, nesta manhã, Jair Bolsonaro disse que a economia brasileira está se recuperando, embora se trate de um processo lento.

“Lógico que é lento. A economia é igual a um transatlântico, não é de uma hora para outra. Até a nossa casa, quando o pessoal está endividado, é complicado recuperar, é devagar”, afirmou o presidente.

Bolsonaro disse também:

“O bom nesses números [do PIB] é porque eles vêm em cima de investimento, e não de consumo. O consumo virá um pouco no crescimento agora, com a antecipação do 13º do INSS, e a questão também do FGTS. E vai ter um crescimento um pouco de ‘fogo de palha’. Quem diz isso são os economistas, não sou eu, porque eu não entendo nada de economia.”

O Presidente também postou uma mensagem no Twitter em que comenta a queda no índice de desemprego pelo quarto mês consecutivo.

“Ainda é alta, a herança deixada pelo PT é catastrófica, mas estamos trabalhando duro para fazer do Brasil um ambiente cada vez mais favorável para geração de emprego.”

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.