Marcos Valério e a delação do fim do tucanopetismo

Marcos Valério e o fim do tucanopetismo

A delação mais importante da história não tem vindo de empresários. A delação de Marcelo Odebrecht foi enorme, muita coisa ainda vai ser julgada. Mas foi pouco. As mais bombásticas, até o momento, partiram de pessoas do meio político, como Delcídio do Amaral. Mas nenhuma pode atingir tanto o esquema do tucanopetismo quanto a de Marcos Valério.

Lula: o acumulador de provas

Lula, o acumulador de provas

Lula é um acumulador de provas. Não são apenas indícios, como querem dizer os esquerdistas. As provas sobre o sítio, sobre o apartamento do Guarujá e outras tantas ainda são poucas. Ainda há diversas outras provas e delatores prontos a dizer a verdade. Restará aos brasileiros conseguir digeri-las.

Brasília: a ilha da ideologia e da corrupção

Brasília, a ilha da ideologia, da farsa e do totalitarismo

Isolada do povo, Brasília tornou-se uma ilha da ideologia e da corrupção. A prova disso é que, em nossa classe política, quem não está envolvido ideologicamente com um projeto totalitário de poder, está apenas buscando o seu quinhão no meio dos desvios do tesouro nacional. Quanto menos Brasília, melhor.

Brasil: O Jardim das Aflições

Brasil: O Jardim das Aflições

O Brasil é um verdadeiro jardim das aflições. Similar ao título do livro bastante poético de Olavo de Carvalho, o nosso país tem deixado a todos extremamente aflitos. Ainda haveremos de ver um país melhor, mas não será nessa década. Certamente o que está sendo iniciado nos anos 2000 só apresentará resultados reais em 2030. Será preciso ainda um esforço dos brasileiros preparados para levar o país na direção da liberdade, da estabilidade e da prosperidade.

Terrorismo do Foro de São Paulo em Brasília

Terrorismo do Foro de São Paulo precisou da PM e do Exército

O terrorismo em Brasília hoje ocorreu devido ao fato de que o Foro de São Paulo perdeu muito poder nos últimos anos. Paraguai primeiro, depois Argentina e Brasil, assistiram à derrocada da esquerda em seus governos. Brasil e Argentina sempre foram fonte de recursos para os demais governos de esquerda. Ao perder o poder, a esquerda ficou absolutamente desesperada.

Temer, Aécio, Cunha, Dilma, Lula, PT, PMDB e PSDB no ostracismo

Temer, Lula, Aécio, Cunha e Dilma no Ostracismo do Brasil

Temer acaba de entrar no Ostracismo do Brasil. Junto com outras presenças ilustres, Michel Temer agora faz parte do seleto grupo de políticos a serem esquecidos. Junto com Cunha, Lula, Dilma, Aécio e os outros todos da lista da Odebrecht. Outras listas devem surgir, e, junto com elas, novas denúncias de corrupção com provas contundentes. O resultado disso será bom para o Brasil.

Libertar o Brasil é espalhar a verdade

Libertar o Brasil é espalhar a verdade

Numa semana que começou com o preparo para o interrogatório do réu Lula e terminou com o maior ciberataque da história da humanidade, o brasileiro acaba nem lembrando de uma data importante da história de nosso país: o dia 13 de maio. O dia da libertação dos escravos.