Brasil

NOVAMENTE, O BRASIL BINÁRIO

Hoje foi dia da isentosfera ir ao ápice do seu ressentimento. Rodrigo Constantino, no twitter, brigou com o povo, porque esse agora está ao lado de Jair Bolsonaro, frisando que “é o mesmo povo que elegeu o PT 4 vezes”, batendo boca com Filipe G. Martins, assessor especial da Presidência da República.

O Francisco Razzo, outro habitante da isentosfera, chegou a sair em defesa de Constantino lá no Twitter, na vitimização dos isentões e na rotulação do povo que foi às ruas e que está do lado de Bolsonaro (nós) como “radicais” e “ex-petistas”.

E Paulo Cruz, um dos ícones dos isentões, publicou há pouco um artigo estúpido, chamado “escravidão ideológica à direita”, sobre a relação do deputado Helio Lopes com o Presidente Jair Bolsonaro.

Esse artigo é ofensivo não só ao próprio deputado como a todos a nós, a militância de Bolsonaro e apoiadores do Governo (quem quiser que procure o link do artigo; eu não vou postá-lo, para não dar voz a essas pessoas aqui no meu facebook).

Não preciso escrever nada sobre esses eventos, pois já sei como a cabeça dessas pessoas que se dizem a “direita limpinha” que mora na isentosfera pensa.

Elas estão cada vez mais incomodadas com o Governo Bolsonaro, a ponto de (i) pegarem no pé de Filipe Martins, que ajudou o Itamaraty a celebrar o acordo do Mercosul e E.U., e (ii) questionarem o porquê de o Deputado Helio Lopes ficar tanto junto a Jair Bolsonaro, com insinuações maledicentes sobre sua raça negra e a exploração disso por parte do Presidente da República.

Portanto, nesse assunto, basta que eu rememore o que já escrevi há uns dias, em 10 de junho, em um texto chamado “o Brasil binário”, a respeito dos primeiros vazamentos criminosos publicados por Glenn Greenwald. Com efeito, o que eu escrevi lá serve, na verdade, para qualquer situação que envolva os isentões, esses seres que tanto atrapalham a Direita e a mudança efetiva das coisas.

Para mim, fica cada vez mais fácil escolher um lado. O “Brasil binário” está a pleno vapor.

Guillermo Federico Piacesi Ramos, 01/07/2019
——
IMAGEM: Helio Lopes, Jair Bolsonaro e Donald Trump em momento de descontração na reunião do G-20.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.