Educação

MANIFESTAÇÃO A FAVOR DA FAKE NEWS DO CORTE NA EDUCAÇÃO TERMINA EM CONFRONTO E INCÊNDIO NO RIO

A manifestação a favor da Fake News de que haverá cortes na Educação, como já era de se esperar, terminou em confronto no centro do Rio de Janeiro. Um ônibus foi incendiado por volta das 20h na avenida Presidente Vargas.

Poucos minutos antes, um grupo de pessoas mascaradas havia entrado em confronto com a Polícia Militar durante a dispersão do ato contra o governo. Policiais reagiram com bombas de gás e houve correria ao redor da Praça da República e ao longo da Avenida Presidente Vargas. Os confrontos continuavam às 19h50, quando o ônibus começou a pegar fogo.

A Polícia Militar não divulgou estimativa. Os manifestantes chegaram por volta das 19h15 à estação Central do Brasil.

Líderes sindicais e de partidos de esquerdaestudantis e de entidades dos professores continuaram discursando, com críticas à política educacional de Bolsonaro.

A manifestação teve início sob fina mas constante chuva, os militantes se reuniram ao redor da igreja da Candelária, no centro do Rio, às 16h15 desta quarta, 15. Líderes de partidos e sindicatos discursavam sobre um carro de som, frequentemente interrompidos por coros como “ele não”, “Lula livre” e “tem dinheiro pro Queiroz, por que não tem pra nós?”

 

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.