Brasil

URGENTE (VÍDEO): Brumadinho acorda com alarme de aviso sobre possível novo rompimento de barragem

BRUMADINHO, MG (FOLHAPRESS) – O alarme de aviso sobre rompimento de barragem soou no início da manhã em Brumadinho (MG).

Segundo o Corpo de Bombeiros, porém, a quarta barragem da Vale, que apresentava risco, ainda não rompeu.

A sirene foi disparada porque técnicos avaliaram que havia risco iminente de rompimento. 

As forças de segurança informaram que a tropa está preparada para iniciar a evacuação de áreas de risco, próximas ao leito do rio Paraopeba e às áreas já atingidas por lama.

A ideia é levar as pessoas para áreas mais altas das comunidades.

A barragem é composta por água e estava sendo drenada pela Vale para diminuir o risco de rompimento. Entre 20h de sábado (26) e 4h deste domingo, os resgates foram interrompidos para que a drenagem fosse intensificada.

O volume de água a ser drenado nesse período  e que portanto desceria pelo rio Paraopeba era o triplo do que o normal

A sirene foi disparada porque técnicos avaliaram que havia risco iminente de rompimento. 

As forças de segurança informaram que a tropa está preparada para iniciar a evacuação de áreas de risco, próximas ao leito do rio Paraopeba e às áreas já atingidas por lama.

A ideia é levar as pessoas para áreas mais altas das comunidades.

Há a confirmação de 34 mortes e oito corpos já foram identificados. Segundo a Vale, há ainda 252 pessoas desaparecidas

A barragem é composta por água e estava sendo drenada pela Vale para diminuir o risco de rompimento. Entre 20h de sábado (26) e 4h deste domingo, os resgates foram interrompidos para que a drenagem fosse intensificada.

O volume de água a ser drenado nesse período  e que portanto desceria pelo rio Paraopeba era o triplo do que o normal.

ENTENDA A TRAGÉDIA

Uma barragem da mineradora Vale rompeu nesta sexta-feira (25) em Brumadinho, cidade da Grande Belo Horizonte.

O rompimento foi confirmado pelo Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, que enviou equipes para o local. A defesa civil também foi acionada.

Momentos após o alerta ser disparado, era possível encontrar nas redes sociais vídeos que mostravam o mar de lama no local.

 O rompimento foi na região do córrego do Feijão, na altura do km 50 da rodovia MG-040.Fotos enviadas por moradores da região aos Bombeiros mostram uma grande quantidade de lama atingindo casas.

Justiça bloqueia R$ 6 bilhões e multa a Vale

A Justiça Federal de Minas Gerais acatou neste sábado pedido do Ministério Público e determinou o bloqueio de mais R$ 5 bilhões para reparar os danos ambientais causados pelo rompimento de uma barragem da empresa na cidade de Brumadinho (MG). O desastre ambiental aconteceu na sexta-feira, provocou mortes ainda a serem contabilizadas e deixou muita destruição.

O juiz de plantão da Vara de fazenda Pública de Belo Horizonte , Renan Carreira de Machado, já havia determinado no final da noite da sexta-feira (25) o bloqueio de R$ 1 bilhão nas contas da mineradora Vale.

Além dos R$ 6 bilhões bloqueados, a Vale ainda foi multada em R$ 250 milhões pelo Ibama, órgão do Ministério do Meio Ambiente.

Veja as imagens de Joice Hasselmann:

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.