Crise? Ora crise…

No meio da crise, o governo anunciou aumento de gastos: reajuste para oito categorias de servidores públicos que ainda não tinha sido aprovado no Congresso. Isso porque está difícil de fechar as contas.

Não combina com o discurso de ajuste fiscal. O impacto, só no ano que vem, será de quase R$ 4 bilhões. O anúncio do reajuste salarial veio no mesmo dia da conclusão da reforma administrativa, que pretende extinguir 4,6 mil cargos e comissões.

Clique aqui e assista a reportagem

Deixe uma resposta