Defesa de Dilma ingressa no STF com mandado de segurança contra impeachment

Peça assinada por José Eduardo Cardozo tem quase 500 páginas

Por: BÁRBARA LOBATO – Expresso Época

A defesa da ex-presidente Dilma Rousseffingressou na noite desta quinta-feira (29), no Supremo Tribunal Federal (STF), com um mandado de segurança contra sua condenação por crime de responsabilidade. Na peça, de quase 500 páginas, o advogado José Eduardo Cardozoafirma não ter havido “pressupostos jurídicos indispensáveis para que a decisão do Senado Federal, acerca do impeachment da Sra. Presidente da República, pudesse ter sido firmada de modo válido, justo e legítimo”. 

O mandado de segurança será distribuído ao ministro Teori Zavascki. 

Deixe uma resposta